Alimentação e estresse

Saiba como diminuir o estresse, que pode afetar a saúde e qualidade de vida, através da alimentação e mudanças no estilo de vida.

Autor Linea Alimentos

Data quinta-feira, setembro 19 de 2019

Compartilhe

A palavra estresse, tem sido confundida com cansaço, esgotamento, mas na verdade, é um mecanismo fisiológico do organismo sem o qual nós não poderíamos sobreviver, no passado nos mantivemos vivos, porque “estressados” podíamos fugir de um predador, o estresse libera uma série de mediadores (o mais popular é a adrenalina), que provocam reações químicas para que, diante do perigo, possamos reagir.

É pela ação desses mediadores que, num momento de pavor, os pelos ficam eriçados, o batimento cardíaco e a pressão arterial aumentam, o sangue é desviado do aparelho digestivo e da pele (por isso a fisionomia pálida), por exemplo, para os membros inferiores para que possam correr. Quem já passou por um grande susto sabe que depois as pernas ficam trêmulas.

No entanto, o estresse atual é muito diferente do que existia no passado. Resulta do acúmulo de pequenos problemas que se repetem todos os dias. E esse  estímulo estressante crônico, acarreta consequências perigosas,  como: cansaço, dificuldade para dormir, prejuízo no sistema imunológico que acarreta gripes, resfriados, herpes e infecções recorrentes, problemas endócrinos, no sistema nervoso, como: enxaqueca, dores de cabeça, esquecimento, irritabilidade e até agressividade, alterações gástricas e intestinais,  aumento da pressão arterial, dores musculares, ranger de dentes, alterações de pele, queda de cabelo etc.

Você gostaria de checar o seu grau de stress? Clique aqui!

Quanto a alimentação você pode ajudar muito o seu organismo reduzindo o consumo de alimentos e bebidas estimulantes, como café, refrigerantes a base de cola, chás verde e branco e altas doses de açúcar, outra dica é não realizar dietas drásticas, não reduzir a oferta de alimentos fonte de carboidratos, pois eles fornecem energia para o sistema nervoso e não podem faltar nos casos de stress. Reduza também o consumo de alimentos gordurosos, pois retardam a digestão e podem ser agressivos para o sistema digestivo que na maior parte dos casos já está fragilizado pelo stress e aumente o consumo de alimentos fonte de triptofano que melhoram o bem-estar, como: banana  , cacau, leite, abacate e grão de bico. Para uma alimentação equilibrada e sem açúcar, conte sempre com a Linea.

Uma última dica é a introdução de chás, como: melissa,  capim-cidreira,  camomila e de folha de maracujá são ótimos para acalmar e combater a ansiedade e o estresse.

Caso tenha sido alertado pelos sintomas descritos neste texto ou pelo resultado do teste, procure modificar sua rotina, se permitir mais horas de sono e lazer, e mude também seu comportamento, quem adia muito a tomada de decisões, tem consequências pelos atrasos, já quem sofre por antecedência também aumenta o estresse, procure um especialista que te ajude a gerenciar os acontecimentos e a buscar estratégias para encontrar uma solução sadia.

EIC DO BRASIL IND. E COM DE ALIMENTOS S/A / CNPJ: 05.207.076/0002-97 / Endereço: Rua VPR 01 S/N – Módulo 03 e 04 – Quadra 02B, na cidade de Anápolis, GO / Atendimento: 0800 722 7546

Produto adicionado ao carrinho com sucesso!

Para descobrir seu CEP digite seu endereço abaixo

*Digite seu endereço sem número do logradouro e evitando abreviações (como Av. R.)

Espere um instante